13 de mar de 2011

Gráfico Pt Cruz - Pocahontas



Ponto cruz Pocahontas





 



  Pocahontas foi uma índia que viveu entre 1595 a 1617. Era filha de um grande cacique, chamado Wahunsunacock, ou ainda conhecido como Powhatan, que administrava uma grande área, onde abrangia quase todas as tribos vizinhas na região de Tidewater, no estado da Virgínia, nos Estados Unidos da América.
  




  Um dia Powhatan, falou a jovem Pocahontas, que Kocoum, o guerreiro mais valente da tribo, pedira em casamento. Pocahontas, confusa e contrariada, foi conversar com seu avô Willow, um velho espírito, que habitava uma árvore na floresta encantada, que disse: - Minha amada Pocahontas, tudo em sua volta são espíritos. Ouça-os com o coração e eles mostrarão o caminho a seguir.
  
 
Neste momento, o navio "Suzan Constant" aportar em Virgínia. Nele viajavam colonos ingleses, comandados pelo governador Radcliffe e pelo capitão John Smith. Vinham em busca de terras e ouro. E tão logo que todos desembarcaram, o governador ordenou que o capitão Smith, fosse inspecionar o lugar.
  Na floresta, ao entardecer, Smith, ouviu um ruído, que não deu importância. E sentindo sede, aproximou do rio para beber água. Nesse momento, notou que alguém o seguia, e logo tratou de esconder-se, preparando a arma e, quando ia atirar, surge a mais bela moça a qual seus olhos já tinham visto, era Pocahontas.
    Assustada com os acontecimentos, Pocahontas, passa a confiar no capitão. E maravilhado em meio a tanta beleza, John Smith apaixona-se pela moça, e juntos vivem muitos momentos felizes, em meio à magia e encanto da floresta.
  A ganância de Ratcliffe colocou os colonos contra os índios. Pocahontas tentou evitar a guerra, mas um dos colonos disparou contra Kocoum e o matou. Os índios condenaram o capitão Smith, à morte. Mas no momento em que os índios iam executá-lo, Pocahontas se pôs à frente de John Smith, para protegê-lo, dizendo que, se o matassem, teriam de matá-la primeiro. Os colonos, surpresos com a coragem de Pocahontas, baixaram as armas. Mas, Radcliffe, furioso disparou contra Powhatan.  E o bravo John Smith, pôs-se na frene do cacique, e foi atingido com o tiro, destinado ao velho índio.
    



Muito ferido, John Smith teve de voltar para a Inglaterra. E com o coração partido, Pocahontas, despediu-se de seu amado, com a certeza que, um levaria o outro para sempre no coração.




  Passado um tempo depois, Pocahontas conhece John Rolfe, um homem viúvo e sozinho, bem sucedido, e muito religioso. Apaixonado pela moça, a pede em casamento. A celebração ocorreu em cinco de abril de 1614. Tiveram um filho, Thomas Rolfe. E por muitos anos a paz entre, índios e colonos, tinha sido estabelecida.

  Contudo a economia da colônia necessitava de investimentos. Pocahontas viajou para a Inglaterra na companhia do filho e do marido, mais onze índios, para que, os ingleses, vissem que os índios poderiam ser domesticados, e assim patrocinar as colônias na América. No entanto o rei, não quis receber Pocahontas. E sabendo disso, John Smith, que estava em Londres, escreveu uma carta ao rei contando como Pocahontas os havia salvado da fome, frio e da morte. E sabendo disso, o rei a recebeu com todas as honras.
  Após alguns anos na Inglaterra, o casal tenta retornar para Virgínia. No entanto, o navio havia somente chegado à Gravesend, no Rio Tamisa, quando Pocahontas ficou muito doente. Ao desembarcar, ela morreu. Seu funeral ocorreu em 23 de Março de 1617, na paróquia de Saint George, Gravesend. Em sua memória, foi erguida em Gravesend uma estátua de bronze em tamanho real.


Gostou? 
Então, deixe um recadinho.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...